animação para todos

Espaço cinéfilo criado em abril de 2016 reservado ao melhor da animação de autor. 
São longas metragens em versão portuguesa para a delícia dos amantes deste género cinematográfico, para os enjoados dos grandes estúdios norte americanos, para os miúdos, para a família... para todos!
Uma vez por mês, ao fim da manhã de domingo (11h) no IPDJ a matiné de cinema com a mais recente animação falada em português!

BILHETES
4€ Público Adulto // 3€ Infantojuvenil  // 1€ Filhos e/ou netos dos sócios (infantojuvenil) // 1€ Sócios

___________________________


 13 MAI 


O HERÓI DA QUINTA
Gabriel e Rodolfo Riva Palacio Alatriste
México: 2016. 98'





ficha técnica
Título original: Un gallo con muchos huevos

Realização: Gabriel e Rodolfo Riva Palacio Alatriste
Argumento: Gabriel e Rodolfo Riva Palacio Alatriste
Música: Zacarías M. de la Riva
Fotografia: Aldo Cruz
Montagem: Daniel Othón M. Gallardo
Origem: México
Ano: 2016
Duração: 98’






sinopse

Toto (voz de César Mourão) é um jovem galo, que sonha em fazer algo mais da sua vida do que apenas acordar os animais da quinta todas as manhãs. Ele quer ser um grande galo de luta, no ringue da aldeia... E o seu desejo vai realizar-se de forma inesperada.
Quando a quinta onde vive entra em falência, Toto não tem outra alternativa senão enfrentar o terrível galo Bankivoide, o campeão dos campeões, no ringue da aldeia, sabendo que o destino da quinta e de todos os seus amigos "está nas suas asas".
Toto e os amigos Willy, Bibi, Confi e Toucinho partem numa viagem para encontrar um treinador lendário, com a ambição de que este transforme Toto num campeão. Mas, sem conseguirem encontrar o treinador, vão ter de se conformar com alguém que o conheceu: Patín Patón, um ovo de pato cuja saúde mental é, no mínimo, questionável. Toto irá treinar com todas as suas forças para enfrentar a maior batalha da sua vida. Ele sabe que está em jogo, não só o futuro da Quinta, como o futuro de todos os seus amigos e de Di (voz de Dânia Neto), uma linda galinha e o grande amor da sua vida. Será que Toto está pronto para enfrentar esta batalha?
Com as vozes de César Mourão, Dânia Neto e participação especial de Agir.




MAKING OF (PORTUGUÊS)












___________________________

 15 ABR





BAILARINA,

Eric Summer. FRANÇA, CANADÁ: 2017. 89'



Felícia é uma jovem órfã da Bretanha que tem apenas um sonho: dançar. Com o seu melhor amigo Victor, que se quer tornar um grande inventor, engendra um plano para fugirem do orfanato para Paris, a Cidade das Luzes, onde a Torre Eiffel ainda está a ser construída! Felícia terá de lutar como nunca para se superar e aprender com os seus erros, de forma a realizar o seu maior sonho: tornar-se uma bailarina principal da Ópera de Paris...




Título Original: Ballerina

Realização: Eric Summer, Éric Warin

Argumento: Eric Summer, Laurent Zeitoun

Música: Klaus Badelt

Fotografia: Jericca Cleland

Montagem: Yvann Thibaudeau

País: França, Canadá

Ano: 2016

Duração: 90’

Actores:
Mia Rose, Miguel Cristovinho, Cifrão, Sara Prata, Mafalda Vilhena, Bruno Ferreira, Margarida Carvalho e Vítor Norte



Sonhar e dançar na Cidade das Luzes

"Bailarina", Eric Summer, Eric Warin

São raros os filmes de animação que hoje em dia procuram recuperar alguma da essência clássica das narrativas juvenis. Cada vez mais, a tendência - que se tem tornado um padrão - é complicar o enredo, misturar uma série de referências culturais e populares, e dar prioridade à diversão tresloucada. Em contraste com tal fórmula moderna surge este Bailarina, produção canadiana e francesa que se inscreve numa apreciável simplicidade formal, tomando como pano de fundo a cidade de Paris.

Com esse cenário privilegiado e o sonho de uma menina órfã por concretizar (ser bailarina), o filme lança-se na mais familiar das aventuras: a demanda pessoal. Há personagens boas e más, escritas com maior ou menor subtileza, e peripécias envolventes. Acima de tudo, e apesar de alguma sonoridade pop a mais, há sentido de clareza narrativa e bom entretenimento.

Inês Lourenço
dn, 27 DE  ABRIL DE 2017




___________________________


DIA 11 MAR




JUSTIN E A ESPADA DA CORAGEM


Manuel Sicilia, ESPANHA, 2013, 90’



Justin sempre quis ser um cavaleiro, mas o pai quer que ele se torne advogado. Com a ajuda da avó e de vários amigos vai conseguir atingir os seus objetivos.





Ambientada num mundo mágico medieval onde as crianças ainda sonham, esta é uma história sobre a determinação de um menino para alcançar seu sonho – tornar-se num verdadeiro cavaleiro. É um conto sobre a amizade, a honra e a coragem.





Título Original: Justin and the Knights of Valour

Realização: Manuel Sicilia

Argumento: Matthew Jacobs, Manuel Sicilia

Musica: Ilan Eshkeri

Fotografia: Javier Fernández

Montagem: Claudio Hernández
Vozes (versão dobrada): Ruben Leonardo, Bruno Ferreira, António Machado, Raquel Ferreira, Paulo Oom, José Jorge Duarte

Origem: Espanha
Ano: 2013
Duração: 90’
FESTIVAIS E PRÉMIOS
Goya 2014 - Melhor Filme de Animação

TRAILER










________________________

11 FEV

UM VOO EM GRANDE
Toby Genkel e Reza Memari,
NORUEGA / BÉLGICA / EUA / ALEMANHA / LUXEMBURGO: 2017, 85’



FICHA TÉCNICA
Título Original: Richard the Stork
Realizadores: Toby Genkel, Reza Memari
Actores da Versão Portuguesa: Paula Lobo Antunes, FF, Jorge Corrula
Argumento: Jeffrey Hylton, Reza Memari, Joe Vitale
Música: Éric Neveux
Montagem: Reza Memari
País: Alemanha, Bélgica, Luxemburgo, Noruega, EUA
Ano: 2016
Data de estreia: 24/08/2017
Duração: 85'


SINOPSE
Um ovo de pardal cai num ninho de cegonhas. Ao eclodir, o pardalinho de nome Richard julga estar no local certo e adopta aquela família como sua. O tempo passa e ele vive tranquilamente com os seus "pais" e "irmãos". Nada parece impedir a felicidade de todos. Até que, com o final do Verão, as cegonhas percebem que é chegado o momento de rumar a Sul para escapar aos rigores do Inverno. Richard, de natureza não-migratória, vê-se impedido de partir com eles e fica para trás. Contudo, apesar do seu corpo frágil de pardal, não desiste da viagem e resolve partir para África, para se reunir com a família que o criou. A ajudá-lo terá uns amigos muito especiais: a coruja Olga (com o seu amigo imaginário Oleg) e Kiki, um periquito que toda a vida viveu em cativeiro.
Estreado no Festival de Cinema de Berlim, um filme de animação realizado por Toby Genkel e Reza Memari. Na versão dobrada em português, as vozes principais são de Paula Lobo Antunes e Jorge Corrula. PÚBLICO





________________________


21 jan


PAT e MAT, Marek Beneš . Cz:2016. 83' (M/3)




FICHA TÉCNICA
realizador: Marek Beneš
origem: República Checa
ano: 2016
duração: 83'




classificação etária: (M/3)



SINOPSE
Pat e Mat há quarenta anos que são os melhores vizinhos. Hoje decidiram rever a sua vida maluca. E o que há melhor para isso do que uma sessão caseira de cinema, com pequenas histórias do dia-a-dia filmadas em 35mm?













_________________________________


próxima temporada [jan - mai 2018]











17 DEZ

O PROFETA
Roger Allers e Gaëtan Brizzi
CANADÁ /US/FRANÇA/ LÍBANO/QATAR: 2014. 84’


 

// IMDb //


// TRAILER //


// FACEBOOK //






'Na ilha fictícia de Orphalese, uma menina travessa de oito anos, chamada Almitra, conhece Mustafa, um prisioneiro político em prisão domiciliária. Deste encontro ao acaso, nasce uma amizade improvável.

Mas no fatídico dia em que se conhecem, as autoridades informam Mustafa que será libertado. De imediato, os guardas escoltam-no até ao barco que há-de levá-lo até ao seu país natal. Durante o processo, Mustafa partilha a sua sabedoria e os seus poemas com os naturais de Orphalese, enquanto Almitra o segue, secretamente.

Em cada paragem, esta imagina sequências visuais de cortar a respiração que acompanham as palavras de Mustafa. Contudo, quando Almitra se dá conta de que as autoridades guardam uma surpresa muito negra para Mustafa, apercebe-se que está nas suas mãos fazer o possível para ajudá-lo.

Adaptando o famoso livro de poesia do autor libanês Kahlil Gibran, que já vendeu mais de 100 milhões de exemplares em 40 países desde a publicação em 1923, "O Profeta" é o novo filme de Roger Allers ("O Rei Leão") com outros nove realizadores, cada um assinando segmentos (...)' 

MAG SAPO






NOTÍCIAS










IMPRENSA INTERNACIONAL
“AWE INSPIRING! IT TOOK MY SOUL ON A JOURNEY.”
“Think of Kahlil Gibran’s The Prophet as a gift: a work of essential spiritual enlightenment,
elegantly interpreted by nine of the world’s leading independent animators.
As visually mesmerizing as it is profound!”
– Variety


★ ★ ★ ★
“A CELEBRATION OF LIFE, FREEDOM AND THE HUMAN SPIRIT!”
“And a celebration of the art of animation. It’s the contrast and variety of seeing
these pieces together that makes one appreciate the craft more.”
– The National




“A THEATRICAL TREASURE, EQUAL PARTS BEAUTIFUL AND INSPIRING!”

“An enchanting experience. One of the most pleasant surprises of TIFF!”

– Movie Mezzanine


“GORGEOUS!”
– The Hollywood Reporter


“UNQUESTIONABLY EXTRAORDINARY!”
– Biography.com


__________________________

26 NOV



A MINHA VIDA DE COURGETTE 

Claude Barras. FR: 2016. 66'
Courgette é a alcunha de Ícaro, um rapazinho de nove anos que, após a morte da mãe, é enviado para um orfanato. Apesar das circunstâncias trágicas que o levaram até ali, é exactamente nesse lugar que o pequeno vai encontrar o seu lugar no mundo. Ao seu lado terá Raymond, o polícia encarregue do seu caso que se tornou um grande amigo, assim como Simon e Camile, dois órfãos que, tal como ele, se viram subitamente sós e com quem vai partilhar os mesmos sentimentos de luto, tristeza e raiva, mas também a alegria das brincadeiras e a esperança de encontrar um novo lar…
Primeira longa-metragem do suíço Claude Barras, um filme de animação em "stop motion" que adapta a obra "Autobiographie d'Une Courgette" (2002) da autoria do escritor francês Gilles Paris. Estreado na edição de 2016 do Festival de Cinema de Cannes, "A Minha Vida de Courgette", foi nomeado para o Óscar de Melhor Filme de Animação. PÚBLICO





FACEBOOK    /    IMDb    /   TRAILER


CRÍTICA
Bonequinhos muito humanos
Distinguido com muitos prémios internacionais, "A Minha Vida de Courgette" é, no domínio da animação, uma das mais notáveis proezas dos últimos anos — a técnica usada envolve figurinhas filmadas pelo processo de "stop motion".
care é uma criança que vive com a mãe alcoólica uma existência infeliz. Quase sempre sozinho no seu quarto, tem como passatempo a criação de construções com as latas de cerveja que a mãe consome em grande quantidade — ela chama-lhe "Courgette" e ele gosta disso. Um dia, de forma acidental, Icare provoca a morte da mãe, acabando por ser colocado numa instituição para órfãos...
Poderia ser a sinopse de um drama pungente, servido por interpretações em que sentimos a pele e o sangue das personagens. E é-o, num certo sentido, com uma pequena e sugestiva diferença: "A Minha Vida de Courgette" é um filme com bonequinhos animados (pela técnica stop motion), consagrado internacionalmente com muitas distinções, incluindo a de melhor longa-metragem de animação nos Prémios de Cinema Europeu — nos Oscars, nessa mesma categoria, esteve entre os nomeados mas não ganhou.
Filme perceptível apenas pelos adultos? Solução de compromisso entre a visão dos mais velhos e as sensibilidades dos mais novos? Em boa verdade, não creio que seja muito interessante "rotular" um objecto tão original a partir de especulações sobre o "seu" público — estamos, afinal, perante uma narrativa com elementos susceptíveis de mobilizar a atenção de qualquer espectador, de qualquer faixa etária.
Realizado pelo suíço Claude Barras, "A Minha Vida de Courgette" distingue-se pelo rigor das suas composições — nomeadamente no tratamento de gestos e olhares —, mas também pela precisão da sua narrativa. Confirma-se, aliás, uma velha máxima desta área de produção: independentemente das técnicas utilizadas, o trabalho de argumento é vital para a criação de um ambiente capaz de mobilizar o nosso olhar. Por isso, aqueles bonequinhos de movimentos sincopados são maravilhosamente humanos.
João Lopes, rtp.pt/cinemax



Entrevista:






ARTIGOS DA IMPRENSA PT:










________________________________________

8 OUT

O MENINO E O MUNDO
Alê Abreu. BR:2014. 80'. M/6




Um filme [...] criado segundo técnicas de animação tradicionais (lápis de cor, cera, colagens ou pintura de aguarela), que é uma reflexão sobre a crise económica e a desigualdade social vista através dos olhos de uma criança pequena. Apesar de ter diálogos em português, as gravações foram invertidas (técnica de "backmasking"), de forma a tornar as falas incompreensíveis. A realização é do brasileiro Alê Abreu que, com este filme, se viu nomeado para um Óscar da Academia, na categoria de Melhor Filme de Animação.
Público 



____________________

próxima temporada [out - dez 2017]



___________________________

27 MAIO

AZUR E ASMAR
Michel Ocelot. FR:2006. 99'

FICHA TÉCNICA
realização: Michel Ocelot
argumento: Michel Ocelot

música: Gabriel Yared
montagem:Michèle Péju
origem: França
ano: 2006
duração: 99'
classificação etária: M/4

FESTIVAIS E PRÉMIOS
2007 | Munich Film Festival - Prémio do público infantil

NOMEAÇÕES
2007 | Festival Internacional de Cinema de Animação Annency - melhor longa metragem
2007 | Prémios Cesar - melhor música para filme
2008 | Prémios Goya - melhor filme de animação


SINOPSE
Azur e Asmar foram criado pela mesma mulher, Jenane, uma ama-de-leite. Azur é louro, de olhos azuis e filho de um nobre, enquanto Asmar é filho de Jenane e tem olhos e cabelos pretos. Os dois rapazes cresceram juntos como se fossem irmãos, até ao dia em que Jenane partiu com o filho. Já adulto, Azur, ainda fascinado com as histórias sobre a lendária Fada dos Djins que a ama lhe contava, decide partir à sua procura acompanhado pelo andarilho Crapoux. Na viagem por terras onde viveu em criança, Azur acaba por reencontra Asmar, que também está em busca da fada. Agora como rivais, os dois irão viver aventuras cheias de perigos e feitiços por terras mágicas onde apenas um alcançará o tão desejado objectivo...

IMDb



_______________________________

29 ABRIL

A CASA DA MAGIA

Jeremy Degruson e Ben Stassen.

BE/FR: 2014. 82'





FICHA TÉCNICA
Título Original: The House of Magic
Realizador: Jeremy Degruson, Ben Stassen
Argumento: James Flynn, Dominic Paris, Ben Stassen
Origem: Bélgica/França
Ano: 2014 (estreia em Portugal)
Duração: 82’
Classificação etária: M/6

SINOPSE
Trovão, um pequeno gatinho que foi abandonado pela sua família, refugia-se numa misteriosa mansão onde vive um excêntrico mágico reformado, Lorenzo, e o seu divertido grupo de animais e autómatos, com poderes surpreendentes, que lhe fazem companhia. No seguimento de um acidente de bicicleta, o mágico é hospitalizado, e o seu ambicioso sobrinho, aproveita-se da situação para tentar vender a mansão, sem o seu consentimento. É então que o Trovão tem uma ideia fantástica: transformar a mansão numa casa assombrada! Com a ajuda dos seus amigos, ele vai organizar a resistência, para tentar evitar que a mansão seja vendida. Conseguirá o arrojado Trovão, juntamente com os seus novos amigos, evitar este odioso plano?

TRAILER   //   IMDb




Sem comentários: